O MEDO, O MODO, O MUNDO MODERNO… – Daniel Canhoto

Daniel Canhoto.jpg

 

Deus

E um homem…

 

Uma alucinação

Um medo

Uma fobia

O mundo

Moderno.

 

O ar

A fumaça

Um deus!

A guerra

A caça

A desgraça.

 

O ódio

A dor

O faca

O rancor

O tédio

A lama

Na barra

Da calça.

 

A cela

As coisas

Do século             XXI.

A mania

O trauma

O salário

O dinheiro

A mulher grávida

O filho

A escola

O bulling

O filho

O frio

O filho!

O vestibular

A namorada

O poema

A dor de cabeça

A noite

A insônia

O amor

Doendo

No peito

A janela do apartamento

– O apertamento –

As estrelas

E todos eles

Têm estrelas…

A dor

No corpo

Ardor

Na mente

A dor

No peito

Os cigarros…

 

E Deus, meu Deus!

Sempre lá no alto.

 

O entreve

As trevas semoventes

Dentro do quarto

Dentro da minha

Mente quadrada

O labirinto

A labirintite

O neurologista

O meu bigode        grande

O psicólogo

O psicanalista!

O juiz

As covas

E aquelas covinhas

E aquele sorriso

E aquele amor

E aqueles cabelos

E ela não fala o nome

E ela não fala

E ela não olha

E a mente vazia

E o estômago

E também a carteira.

 

E Deus

Deus tudo bem

Ele sempre

Sempre do lado dela.

E do meu lado

Sempre

Essa dor

Essa dor aqui do lado

E de novo

O problema

A farmácia

O remédio

O tédio

E o rosto escuro

No espelho

As paredes manchadas

E lá fora

As risadas

Os dedos apontam

E o poema de novo

E o choro

Arde        Dói

E Deus

Sempre

Ajuda

Que o rapaz não se jogue da janela

Que ele não morra de

Verdade

Que ele escreva

Que ele

Escrevo

Que ele

– Escravo –

A vertigem

O pânico

E a luz

Do sol

O telefone toca

E o Sol arde

E o emprego

E o NÃO

NÃO

NÃO

NÃO

 

NÃO

– NÃO –

NÃO

NÃO       NÃO       NÃO       NÃO                        NÃO

N

Ã

O

(((NÃO)))

N

Ã

O

“NÃO”       <NÃO>          [NÃO]

E Deus

espera

espera

espera

E o milagre

espera

espera

espera

E a utopia

E os erros          Errados.

 

O estorvo

O diabo

E desterro

As paredes

Em branco

A solidão

O lúcido

Preto

E

Branco

No devaneio

Preto

E

Branco.

 

O cansaço

O distúrbio

A                        Narcolepsia

A paixão

– Pra quê paixão? –

Ele

Sou eu

Na casa vazia

A caixa

De e-mail vazia…

 

E Deus…

Texto e Ilustração : Daniel Canhoto

#sotaques #Revista #Online #Revistaonline #arlequim13 #Homemportuguês #brasil #portugal #brasilportugal🇧🇷🇵🇹#blackwhite #pretoebranco #preto #branco #photoblackwhite #black #white #poesia #literatura

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s