Portugal Fashion fecha com coleção “Black Rainbow” de Fátima Lopes

capppa

O Portugal Fashion “Reflector”, homenagem à moda como fenómeno que simboliza o empreendedorismo e a criatividade nacionais, teve o seu corolário final no desfile de Fátima Lopes. A estilista, nome que associamos à história de sucesso do evento, criou um desfile poderoso, em que a mulher assume um carácter sedutor e personalizado.

Predominaram as cores púrpura, os verdes e os azuis orgânicos. Fátima Lopes quis representar o paradoxo da feminilidade, combinação de fragilidade e força, produzindo uma coleção com um grande impacto visual .

Antes, o último dia do Portugal Fashion foi marcado por vários desfiles. Impressionante foi a coleção apresentada por Teresa Martins: a estilista surpreendeu todos com um desfile que contou com um bailarino, numa dança coreografada na passerelle, em que recriava a ligação à natureza, e em que o verde, a ecologia, a ligação às raízes – literalmente através de ramos nas cabeças de alguns modelos e com música etnográfica  a soar no Portugal Fashion – foram omnipresentes, fazendo da coleção TM “Far from men, Close to Gods” uma das mais aplaudidas do evento.

Na tarde de sábado também houve espaço para a surpreendente coleção de Nuno Baltazar. Apresentada nas Poentes das  Furnas, na Alfândega, adoptou como tema de inspiração o cinema, apostando nas cores mais fortes, nos chapéus que cativa  uma mulher moderna  que gosta de aventura e de novas experiências.

Luís Onofre, outro dos nomes  consagrados do Portugal Fashion, desenhou uma coleção de sapatos onde a sensualidade salta à vista. Em “Lust for life” prevalecem cores como o vermelho carregado, o preto e o forte, mostrando uma  vitalidade feminina sem complexos.

Nas marcas destaque para a coleção da Vicri. Cores sóbrias, quentes, confortáveis que assentam no homem elegante.

A Lion of Porches trouxe à Passarelle uma mostra para toda a família, com um vestuário desportivo e confortável, e cores claras e fortes. Por sua vez, a Dielmar fez-nos viajar ao estilo clássico de Londres – com a coleção “The tweed run ” – com casacos de tweed e casacos de caxemira, gravatas e laços, e uma variedade de cores que abrange dos pretos e cinzas aos dourados e azuis, que nos transmitem valores como a tradição e o estilo intemporal da moda.

Outro dos destaques do derradeiro dia do evento, foi a presença, nos vários desfiles, de atores consagrados como Diogo Morgado ou José Fidalgo, da apresentadora Raquel Strada ou da modelo Jessica Athaíde. Mas também de um modelo com Trissonomia 21, mostrando que os valores da moda também passam  pelo combate à discriminação e pelo direito de todos vivenciarem, em igualdade, as mesmas oportunidades.

  Arlequim Bernardini

www.facebook.com/sotaques – Sotaques com o melhor da moda portuguesa !

#sotaques #Brasil #Portugal #arlequim13#PortugalFashion #PortugalFashion20anos#PortugalFashionreflector #pf36#sotaquesbrasilportugal #porto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s