Ser artista é ser Ed Mota  

625546_10151520938991558_1874310849_n

O que é ser artista ? Muitas respostas podem ser dadas a esta pergunta, mas uma parece-nos definitiva: é ser Ed Mota.

Numa noite para nunca mais esquecer, nesta quarta-feira 22 de Outubro na Casa da Música, não podia faltar um homem dos mil e um instrumentos e recursos como Ed Mota. O artista que domina a voz descomunalmente, que canta em português e inglês com a mesma desenvoltura, que descontrai a meio do concerto, que conta piadas, que fala de comida como um gourmet excelso.

Ed Mota é um génio. Só os génios controlam a música: só eles conseguem, apenas com sons e onomatopeias, criar uma canção do nada e transformá-la num delicioso exercício lúdico.

Ontem brincámos  como crianças . E o nosso brinquedo foi a música e o nosso anfitrião, o mestre de cerimónias que nos transportou para este país das maravilhas foi este soberbo cantor brasileiro.

No Ed Mota Quartet  não falta nada: até havia um português na bateria – Miguel Casais  dos Black Mamba, excepcional na bateria, que seguiu a  a centelha que acendeu o extraordinário líder da banda.

O disco “Adult Oriented rock” devolveu-nos o melhor da música americana misturado com êxitos de Ed Mota e de outros músicos brasileiros. Foi uma deliciosa refeição da boa velha música que nunca há-de morrer.

O que é, afinal, um artista ? Perguntem ao Ed Mota !

 

Arlequim Bernardini 

 

www.facebook.com/sotaques – A arte da música

 

#Sotaques #Música #Sotaquelbrasilportugal #EdMota #BlackMamba

#JacquesMorelenbaum #casadamusica #porto

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s